Pontos de Carma

Há quase 10 anos, consegui apresentar ao público meu primeiro projeto rpgístico alternativo: o Sistema Carma. Era um sistema desenhado para ser o mais flexível possível – tal qual o Highlights – e oferecia um sabor bem diferente do tradicional, sendo primariamente diceless, ou seja, sem dados, cartas, pedra-papel-tesoura, ou qualquer outro método aleatório. As características na ficha conferiam uma base de “pontos de esforço”, os quais os jogadores poderiam aumentar ao investir Pontos de Carma, um recurso limitado e valioso.

Tratava-se da oportunidade do jogador assumir as rédeas do destino de seu personagem, passando por cima da autoridade do narrador. Quando se analisa boa parte dos jogos mais heróicos de hoje, é exatamente isso que temos nos Fate Points. Hero Points, Plot Points, Drama Points, etc da vida. Só peguei carona mesmo!

E finalmente concluí que seria uma boa adição ao Highlights. Ainda é um projeto em construção (esto usem grupo para testar minhas novidades este ano), mas as diretrizes básicas são explanadas a seguir.

PONTOS DE CARMA

Como comentei acima, os Pontos de Carma representam o jogador tomando as rédeas do destino do seu personagem, mesmo que temporariamente. O gasto de um destes Pontos proporciona uma série de benefícios, mas estes mesmos Pontos são bem suados para se obter.

Da mesma forma com que o número de Atributos adotados é usado como referência para a pontuação dos personagens, é o número de jogadores (incluindo o Narrador) que servirá de referência para quantidade de Pontos de Carma disponíveis inicialmente. Obviamente, campanhas mais heróicas ou cinemáticas fariam bom uso de mais (recomenda-se, pelo menos, o dobro). Mas a partir do momento em que o jogo começa estes Pontos flutuarão constantemente.

Reforçando: se seu grupo tem 4 jogadores (e sim, consideramos o Narrador como um dos jogadores), cada personagem receberá 4 Pontos de Carma; se seu grupo for composto por 6 jogadores, cada um receberá 6 Pontos de Carma, e assim por diante.

Quais Efeitos um Ponto de Carma produz?

Que bom que perguntou! Na verdade, a lista nem é grande, mas cada grupo pode incluir novas utilidades à gosto. Note que alguns destes efeitos são mais apropriados para jogos mais heróicos e/ou cinemáticos.

  • Pontos de Personagem: Pontos de Carma possuem o mesmo peso que Pontos de Personagem. Isso significa que estes Pontos podem ser gastos (permanentemente) durante a criação de personagens, somando aos Pontos de Personagem normais. Fazer isto, porém, marca aquela característica (explicado depois) e obviamente diminui a quantidade de recursos disponível para o jogador no começo do  jogo.
  • Amadurecimento: semelhante ao item anterior, mas desta vez o jogador investe Pontos de Carma para aprimorar alguma característica ou adquirir novas. O custo depende do tipo de característica: Atributos custam [nível desejado x3], enquanto Extras mantém o custo normal.
  • Empenho Extra: pode-se gastar 1 Ponto de Carma para ganhar 1 dado-bônus para um teste. É preciso que o jogador justifique este bônus na ficção (narração dos eventos).
  • Recuperação Rápida: após o término de um Conflito, o jogador pode gastar 1 Ponto de Carma para lançar 1d6 e abater o resultado das Penalidades que possuir. Isto só pode ser feito uma vez por sessão.
  • Edição Narrativa: 1 Ponto de Carma também pode comprar o direito de incluir alguma idéia à história, podendo representar um momento de inspiração (o personagem se lembra de uma amiga que pode ajudar), uma vantagem circunstâncial (como achar uma alavanca que leva a uma sala escondida), ou qualquer outro detalhe que 1) seja condizente com a situação, e 2) não contradiga nada que já tenha sido estabelecido na Cena.
  • Canalização: alguns Extras (especialmente poderes particularmente impressionantes) podem/devem exigir o gasto de 1 Ponto de Carma de modo a permitir o seu uso pleno. Usos cotidianos ou sem grandes abusos podem ser liberados para uso normal, mas qualquer coisa que o Narrador considere abusiva ou desequilibrante deve ser censurada por este pedágio.

Como ganhar Pontos de Carma?

Há diversos motivos para premiarmos jogadores com Pontos de Carma, mas há de se manter este fluxo sob controle rigoroso, visto que a negociação destes Pontos é central para o ritmo e atmosfera do jogo em geral. Rascunhei algumas maneiras que valem a consideração, mas cada grupo pode elaborar as suas próprias diretrizes.

  •  Conclusão de Etapa: o parâmetro mais tradicional, é sempre uma boa idéia premiar todos os jogadores com 1 Ponto de Carma para pontuar que uma fase importante da trama foi resolvida. Isso pode representar o fim de um capítulo da história, ou o fim de um arco inteiro. A premiação ao término de cada sessão não é recomendada, exceto se seu grupo opte por personagens super-heróicos.    
  • Sucesso Dramático: quando um personagem for bem-sucedido num Conflito em que algo significativo para si esteja em risco ou evidência (o Questionário se encarregará de atribuir aos personagens características como motivações e pessoas importantes), o Narrador pode considerar a premiação de 1 Ponto de Carma.
  • Idéia Inspirada: quando um jogador tiver um momento super criativo (seja resolvendo um obstáculo de uma forma que o Narrador não tinha antecipado, ou algo que dê uma guinada na trama, etc), o Narrador pode conferir 1 Ponto de Carma (uma forma de estimulas os demais).
  • Circunstância Temática: este item fica em aberto, pois depende diretamente da ambientação. O Narrador deve definir uma circunstância que evoque um tema importante em seu cenário, e premiar com 1 Ponto de Carma aquele personagem que superar tal situação.

Por exemplo, se entre a proposta de seu cenário você pretende incluir o fator “Duro de Matar” – como a série de filmes com Bruce Willis, premie o personagem que sobreviver a uma situação de risco de morte sem usar Pontos de Carma em seus testes. Deste modo, você terá os personagens perdurando às situações mais críticas, mesmo quando levar a pior no processo, apenas para ganhar fôlego novo, limpar o sangue da testa, e seguir pro próximo desafio. No caso de super-heróis, quando um personagem se sacrificar de alguma forma para salvar inocentes, ele merece 1 Ponto de Carma. E assim por diante…

 Seja qual for o caso, cada jogador só poderá se beneficiar de cada uma destas diretrizes uma vez por sessão.

Características Marcadas (Opcional)

Você pode ler a situação da seguinte forma: o personagem que sacrificar Carma para comprar um Extra ganha Complicações. Sabemos que Complicações conferem mais Pontos, mas durante a Criação de Personagens o processo se inverte: primeiro gasta-se o Ponto na aquisição de uma característica e isso conseqüentemente exigirá uma Complicação para balancear as coisas.

Por outro lado, é possível simplesmente ignorar esta regra. A lógica obrigará o jogador a adotar uma Complicação para usufruir de mais pontos….

 # # #

Bom, críticas e sugestões como sempre bem-vindas!!

Semana que vem: Extras!!

Anúncios

Um comentário sobre “Pontos de Carma”

  1. Muito bom cara, vou aguardar pelos próximos posts, infelizmente to sem mesa também, mas to ansioso pelos novos projetos no Highlight

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s