Ainda estou aqui!!

Aos que ainda me acompanham, não abandonei o Highlights não, ok? O sistema nasceu no final de 2009, teve seu primeiro ciclo de exposição em 2010, e veio a primeira revisão em 2011. Dando uma olhada nos artigos que postei desde o início, percebi que pudemos cobrir uma monte de coisas legais, como magia, super-heróis, e raças não-humanas, além de várias sugestões para expansão e extrapolação das regras.

Muitas promessas não cumpridas (em termos de adaptações), mas a rotina de trabalho não tem me permitido investir tanto quanto eu gostaria neste passatempo. Aos poucos eu pretendo unificar as ideias, atualizar o material já publicado por aqui, e continuar injetando ideias novas.

E por falar em atualizações, acho que que cabe mais uma enxugada no sistema, em tempo da “revisão anual”. Acabei de receber minha cópia do novo jogo do Universo Marvel, o Marvel Heroic Roleplaying. Gente, que pérola! Muitas ideias empolgantes e inspiradoras. Vou pegar ‘emprestado’ algumas ideias, aproximar da lente do Highlights, e assim poder sossegar o espírito e disponibilizar algo semelhante àquele jogo para os que não curtirem o original ou não estiverem com o inglês em dia.

Assim que eu terminar a leitura e rascunhar alguma coisa, eu volto com as novidades. E dentre as ambientações que pretendo trazer, além daquele meu pós-apocalipse zumbi, vou trabalhar também na expansão das sugestões que postei no concurso para Este Corpo Mortal, a seguir:

  • “Os personagens formam uma pequena fração da população que um dia acordou com a capacidade de alterar a realidade. No começo se divertem, mas de forma inexplicável, se sentem atraídos uns aos outros e descobrem que juntos são ainda mais poderosos. Então aprendem que foram imbuídos de poder para defenderem nossa realidade de colonizadores dimensionais.”
  • “Seu personagem é capaz de viajar entre a nossa realidade e o mundo da magia. Lá, animais falam, criaturas míticas compõem a população e a aventura nunca termina. Ele sabe que todas as coisas e pessoas existem ao mesmo tempo nos dois planos, mas poucos têm acesso aos dois lados (e nem todos são do bem). O que acontece num plano afeta o outro, metaforicamente, e seu personagem pertence a uma Ordem responsável por manter a harmonia entre os planos.”
  • “Os personagens possuem duas almas, uma mundana (padrão) e outra animal. Isto significa que são herdeiros de uma Era Mitológica em que os animais eram os grandes heróis da luta da Ordem contra o Caos. Essa sinergia dota o indivíduo com o melhor dos dois mundos: a inteligência dos humanos ancestrais e os instintos, afinidades e habilidades especiais ligadas ao seu animal. Justamente neste momento, em que os antigos inimigos da Ordem estão voltando a se manifestar, você descobre seu papel nesta grande guerra oculta.”

Até a próxima!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s